Tenho 35 anos. Finalmente tenho tudo o que desejei, um bom emprego, uma filha de 5 anos e uma mulher que amo. Mas todo dia acordo com saudade daquilo que não tive. Saudades de mim que já não sou. A verdade é que o futuro virou presente, quando meus anseios do passado são o futuro. Sou apenas um movimento em movimento, em uma assiduidade de ir para casa, sem se sentir em uma. É a ressaca de não ser nada. De amores não vividos, experiências não realizadas. Como George Bernanos falou, os homens são consumidos pelo tédio.

Advertisements
Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s